Ficha de Notícia

Talenter™ Assina Carta Portuguesa para a Diversidade

Responsabilidade Social

Lisboa

18 de Abril de 2016


A Talenter™ associa-se à iniciativa promovida pela União Europeia  e integra o primeiro grupo de entidades signatárias da Carta Portuguesa para a Diversidade

A cerimónia oficial de assinatura da Carta Portuguesa para a Diversidade realizou-se no passado dia 31 de março de 2016, pelas 9h30, no Palácio da Ajuda, em Lisboa e contou com as presenças da Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Catarina Marcelino, e da Secretária de Estado da Inclusão das Pessoas com Deficiência, Ana Sofia Antunes.

No evento marcaram presença 44 entidades dos mais variados setores de atividade, que subscreveram, através da Carta Portuguesa para a Diversidade, políticas de gestão que pressupõem a promoção da diversidade no local de trabalho ou o respeito pela igualdade e não discriminação em função do género, raça, religião, idade, orientação sexual ou deficiência.

De acordo com César Santos, Diretor Geral da Talenter™, “a subscrição da Carta para a Diversidade reflete uma preocupação da Talenter™ em evoluir continuamente no desenvolvimento de práticas de gestão que promovam a tolerância e o respeito pelo outro.” Acrescenta ainda que “a promoção de medidas de inclusão e a aposta na diversidade enquanto fator de valorização coletiva há muito que integram a política organizacional da empresa e integrar o primeiro grupo de entidades que assina a Carta para a Diversidade, reforça o compromisso da Talenter™,  enquanto entidade empregadora, na implementação e desenvolvimento de políticas e práticas internas de promoção da diversidade.

A Carta Para a Diversidade é atualmente subscrita por 14 estados-membros da EU e conta com a participação de mais de 7.000 organizações, beneficiando 13 milhões de pessoas empregadas.

Em Portugal, esta ferramenta de gestão é promovida pelo Alto Comissariado para as Migrações, a Comissão para a Igualdade de Género, a Comissão para a Igualdade no Trabalho e no Emprego o Instituto Nacional para a Reabilitação, o GRACE e a Fundação Aga Khan.